Forró pode receber título de Patrimônio Imaterial do Brasil

29 ABR 2018
29 de Abril de 2018

Com letras regionais, sotaque nordestino e dança arrastada, surgia o forró. O ritmo, originalmente brasileiro, já é bem conhecido no País, mas foi no Nordeste, na voz e na sanfona de Luiz Gonzaga que o Forró ganhou vida e conquistou o Brasil inteiro.

O Dia Nacional do Forró é celebrado nesta quarta-feira (13), data de aniversário do cantor e compositor Luiz Gonzaga, o Rei do Baião.

O ritmo está perto de conquistar o título de patrimônio imaterial brasileiro. Para preservar a cultura do forró, a Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado debate a inclusão do ritmo à lista de bens imateriais brasileiros.

A medida pode valorizar, ainda mais, a dança, a história e a cultura nordestinas. Para 2018, são esperadas audiências públicas no Nordeste para debater o tema. 

Voltar